Vivemos em uma sociedade que aplaude pessoas com grandes conquistas pontuais em detrimento daquelas que mantêm as vitórias ao longo do tempo. Por essa razão, é comum sentirmos que precisamos sempre correr atrás de novos objetivos. No entanto, a satisfação pessoal está em aprender a ser grato pelo que foi alcançado e mantido.

Um exemplo bem simples. Quem é mais valorizado: um escritor que atinge uma única vez o topo da lista dos livros mais vendidos e coleciona fracassos depois ou um que jamais ficou em primeiro, porém colocou todas suas obras no Top 10? A tendência é valorizar mais aquele que teve um grande êxito. Mas isso é um erro. Na verdade, quem consegue manter o sucesso ao longo do tempo, sem dúvida, consegue ter muito mais satisfação pessoal.

A síndrome da fênix e o vício em recomeçar

Essa imposição social que afirma que temos de atingir sempre novos objetivos dá origem à chamada síndrome da fênix.

Sabe aquela sensação de que, por mais difícil que tenha sido o percurso, ao conseguir um objetivo você desdenha da vitória e não quer mais aquilo? Como quando você se esforça muito para conquistar uma pessoa, mas depois que percebe que ela está apaixonada deixa de ter interesse?

Esses são comportamentos típicos de pessoas que querem ressurgir das cinzas o tempo todo. Recomeçar se torna um vício emocional quando você não consegue manter suas conquistas e ser grato por elas. A síndrome da fênix faz com que as pessoas, ao se aproximarem daquilo que buscam, sintam a necessidade de partir imediatamente para o próximo desafio.

O grande problema é que pessoas que sofrem com esse vício nunca estão satisfeitas com o que possuem. Elas não conseguem ser felizes, pois não encontram prazer no que conquistam. É como se a realização se escondesse em cada novo objetivo e se esvaísse sempre que conseguem chegar lá.

Satisfação pessoal é um exercício de gratidão

Muito mais importante do que conquistar algo novo é conservar aquilo que foi alcançado. Contudo, manter seus êxitos demanda um exercício de amor e gratidão. Pessoas que buscam recomeçar sempre não valorizam e aproveitam como deveriam suas vitórias. Não há como ser realizado, feliz e bem-sucedido quando você é ingrato.

Manter as suas conquistas e ser grato por elas é fundamental para atingir a satisfação pessoal. Portanto, pare por um instante e faça uma reflexão. Quais são os triunfos que você tem abandonado quando os atinge? Para quais êxitos você não tem dado tanta atenção? Você consegue agradecer por tudo o que já obteve até aqui? Responder a essas questões é o desafio que vai, de fato, trazer mais felicidade e sucesso para sua vida.

Fonte: https://wendellcarvalho.com.br/satisfacao-pessoal-como-conseguir/

 

Quer saber mais? Venha fazer uma aula de Yoga com a gente!

CLIQUE AQUI E CONFIRA NOSSA GRADE DE AULAS:

http://planoscafeyoga.com.br/

Entre em contato com a gente pelo e-mail: contato@cafeyoga.com.br