O Despertar da Consciência é um processo que permite entender o que está além desse plano de existência. E ter a percepção que esse além não se encontra em algum lugar no céu, mas, sim, dentro de você e só pode ser acessado por um processo interno.

A cada cura feita no corpo físico e emocional, nos aproxima de acessarmos esses conhecimentos e percepções mais elevados, com a possibilidade de verdadeiramente mudar a vida e a percepção que se tem dela.

Dicas para o Despertar da Consciência

1. Meditação

Essa dica é essencial, tanto para as pessoas que estão começando a entrar no processo espiritual, quanto para aquelas que se encontram nessa busca.

A meditação possui diversos benefícios comprovados cientificamente.

2. Atividades físicas

Muitos buscadores espirituais esquecem seu próprio corpo.

Para atingirmos o equilíbrio e termos uma conexão mais saudável com questões espirituais é importante cuidar bem do corpo e atividades físicas são ideais.

3. Gratidão

A gratidão é a grande chave para mudarmos de vida, ela nos oferece a possibilidade de reconhecermos tudo que temos com sentimento de ser suficiente, sem reprimir a necessidade de buscar mais.

4. Terapias Holísticas

Terapias são encantadoras, elas nos permitem sermos ajudados a sair de situações difíceis em nossas vidas, auxiliando no crescimento interno.

Ainda que não haja situações complicadas em sua vida, as terapias dão uma ajuda tremenda, sendo que as holísticas auxiliam demasiadamente no ganho de consciência, porque experimentamos essa troca de energia e nos permite iluminarmos nossas sombras.

5. Buscar Conhecimento

Essa parte é muito importante para o despertar, para realizar as dicas anteriores, não é preciso conhecimentos específicos para ter essas grandes experiências internas, e depois de ter experimentado tantas coisas é a hora de se permitir conhecer melhor o que o mundo espiritual tem a oferecer.

6. Autoconhecimento

Lembre-se essas dicas não são etapas, elas podem ser feitas em conjunto, pois todas as outras dicas trarão autoconhecimento.

Na verdade, tudo na vida traz autoconhecimento, o problema é que, às vezes, estamos tão no automático que não percebemos.

7. Ser protagonista

Muitas vezes esquecemos que nós somos o protagonista na nossa vida e passamos a comportar como coadjuvantes.

Ser protagonista é entender que apenas nós sabemos o que verdadeiramente somos, só nós podemos tomar decisões sobre a nossa vida; é entender que o externo é apenas um reflexo do interno.

Para isso acontecer é necessário tomada de decisões e somente um protagonista pode tomar decisões, somente ele pode agir.

Fonte: www.guiadaalma.com.br/despertar-da-consciencia/

 

Se aprofunde nesse universo de possibilidades. Faça uma aula experimental com a gente. Envie um e-mail para mkt@cafeyoga.com.br