A meditação produz inúmeros benefícios positivos e um dos mais importantes é o controle da mente. No entanto, se você não conseguir esvaziar a mente para meditar, pode ser frustante mesmo antes de conseguir ver os resultados da meditação. Mas, por que isso acontece? A mente está tão acostumada com o plano do pensamento, da lembrança, da antecipação do futuro, que não pensar em nada é uma tarefa quase impossível.

A meditação é a chave para você se relacionar com esses pensamentos e observá-los, mas sem se identificar com eles, ou seja, não se deixar levar pela ideia que acaba de passar pela mente e continuar um diálogo interior a partir dele.

Como limpar a mente e relaxar

A meditação, ou deixar a mente em branco, é um estado de silêncio mental no qual tudo aquilo que passa pela sua mente durante esses instantes de meditação fica em segundo plano.

A meditação em grupo contribui para uma motivação agregada de crescimento pessoal, compartilhando com o contexto comum. Quer dizer, no contexto de grupo se cria um sentimento de unanimidade que é a chave para o bem estar emocional.

Existem algumas tarefas que podem ser realizadas para facilitar o processo de concentração e deixar a mente em branco, por exemplo, se você tem algo pendente para fazer, não deixe para depois da meditação, faça antes. Desse modo, você vai se concentrar de verdade no ato de meditar sem ter o peso de deixar algo por fazer.

Outro aspecto muito importante é a roupa que você escolhe, é importante que seja algo que você goste e que seja também muito cômoda, uma roupa que você sinta como se fosse uma segunda pele. Escolha um local para meditar que seja silencioso, tranquilo e onde você pode relaxar sem que ninguém te interrompa. Escolha também uma posição confortável.

Tenha em conta que, por meio do poder da prática da meditação, você vai desenvolver novas habilidades. Se antes de começar a meditar, você está inquieto por qualquer motivo, por exemplo, se você tem o peso de uma preocupação que te deixa angustiado, então, anote por escrito esse pensamento e sinta como, ao colocá-lo no papel, esse peso interior te liberará dessa carga.

O sentido da visão é um canal de informação visual, por isso, o seu cérebro assimila muita informação do ambiente por meio desse sentido. Os olhos têm especial significado na meditação e, por isso, existirão momentos em que é muito fácil meditar com os olhos fechados para não se distrair com o ambiente em seu redor e se aprofundar no seu mundo interior. No entanto, em outros momentos, é recomendado ter os olhos abertos. Por exemplo, se você tem está com sono e cansado, fechar os olhos ao meditar pode te levar a um estado de sonolência pouco recomendável.

Em outros casos, você pode encontrar o equilíbrio de meditar com os olhos entreabertos. A meditação não segue normas universais, mas é conveniente que você adapte os recursos disponíveis ao que te ajuda mais em cada momento para esvaziar a mente.

Nem todos os dias são iguais. Isso significa que se você medita de forma habitual, vai experienciar sensações muito positivas e terá outros momentos nos quais tem a sensação de que não terá alcançado o estado de relaxamento desejado. Isso é algo totalmente natural, por essa razão, se você se sentir bloqueado, não julgue a si mesmo.

Como não pensar em nada

Para saber como não pensar em nada e esvaziar a mente, você deve tomar algumas atitudes diárias que te ajudarão a viver de forma mais leve e facilitarão a sua concentração quando começar a meditar, fazendo com que a meditação seja feita de forma mais plena e completa:

  • Faça exercícios físicos e mentais. Os exercícios físicos são importantes e extremamente vantajosos para a saúde e todo mundo sabe. Mas existem também alguns exercícios mentais que podem ser muito beneficiosos para uma vida mais plena, como por exemplo os quebra-cabeças.
  • Leia. A leitura, além de relaxar a mente, estimula o cérebro e é um ótimo exercício de concentração. Existem alguns livro de crescimento pessoal que são bons para dar início a esse hábito, por exemplo Aprendendo a Silenciar a Mente de Osho.
  • Respire de forma consciente. Uma das atividades mais comuns em todos os tipos de meditação é a consciência da respiração, por isso, em alguns momentos do seu dia, tire uns minutos para respirar fundo e ser consciente dessa atitude.
  • Organize os setores da sua vida. Não deixe que problemas da sua vida pessoal influenciem o seu trabalho e vice e versa. Se você for capaz de separar as coisas e não prejudicar as relações injustamente, será muito mais simples resolver o problema. Afinal, é muito mais fácil resolver um único problema, do que ter que solucionar mais de uma situação que foi provocada por uma atitude reativa do problema original.
  • Não evite os pensamentos. Para esvaziar a mente, você não deve evitar os pensamentos mas sim, se conscientizar deles e dar a devida importância a cada um deles.
  • Controle seus pensamentos. Como referimos no ponto anterior, dê a devida importância aos pensamentos, ou seja, mantenha o foco nos pensamentos reais, não se deixe levar por pensamentos sem fundamentos concretos ou desnecessários.
  • Seja positivo. Qualquer situação, por pior que seja, traz ensinamentos e enche a sua bagagem da vida de maturidade e experiência. Por isso, vire o jogo e encontre em todas as situações um lado bom.
  • Medite. Como mencionado anteriormente, a meditação traz inúmeros benefícios, por isso, seja constante nessa prática e não desista se não ver resultados a curto prazo. É necessário ser paciente para esvaziar a mente e meditar.
Fonte: https://br.psicologia-online.com/como-esvaziar-a-mente-93.html

 

Quer saber mais? Venha fazer uma aula de Yoga com a gente!

CLIQUE AQUI E CONFIRA NOSSA GRADE DE AULAS:

http://planoscafeyoga.com.br/

Entre em contato com a gente pelo e-mail: contato@cafeyoga.com.br